jump to navigation

Deus e não-deus 2012/12/04

Posted by alnbr - Revista de Opinião in 1.
trackback

A questão de fundo é que NÃO EXISTE DEUS nenhum, isto é um delírio coletivo.

Como não existe eu não tenho de seguir nenhuma regra do que não existe.

E como a questão dos crentes é puramente crença, a minha também é tão boa quanto a deles, logo, o mesmo respeito que me cobram, eu cobro.

O que, realmente, não leva a lugar nenhum, pois partindo de um fantasma que SABE TUDO, VÊ TUDO, ESTÁ EM TODO O LUGAR, EM TODO O PODER e fez ESTA MERDA DE MUNDO COM UM BANDO DE IDIOTAS SE MATANDO EM NOME DE UM DEUS INCOMPETENTE, não tenho porque escrever o nome do fantasma do jeito que eles querem.

Como diria os garotos da esquerda festiva, o mundo só vai ter paz quando o ultimo clérigo for enforcado com as tripas do último militar; mas, ALGUÉM vai ter de fazer o serviço final, o que nos deixa com UM – pelo menos – militar, ou com um CRIMINOSO, o que é MUITO PIOR.

Basicamente, respeito AS PESSOAS, não as CRENÇAS, simplesmente porque as crenças são colocadas nas cabeças das CRIANÇAS quando não podem fazer nada para se defender delas.

Crianças que acreditam em algo que os próprios pais não têm condição intelectual de defender a existência, ou a ideologia de um pai e mãe fratricidas que manda matar “burgueses” ou justifica o extermínio de povos inteiros – os comunistas soviétivos EXTERMINARAM 25% DO POVO DA UCRÂNIA em 6 meses, obra prima da redistribuição de renda socialista – e os moribundos eram enterrados vivos com os mortos pela fome – a terra se movia, contou uma sobrevivente – no total de 7.000.000 de seres humanos.

Então, cade o deus justo e fiel?

Quanto aos eleitores, eu quero criar um PARTIDO POLÍTICO LIBERAL, isto é, com aqueles que RESPEITAM AS PESSOAS QUE TÊM CRENÇAS. Os crentes terão nos LIBERAIS os únicos aliados que os respeitarão para serem LIVRES PARA EXERCEREM SUA CRENÇA EM PAZ, desde que não signifique um ônus adicional para mais ninguém.

Os crentes devem SAIR DA POLÍTICA e se concentrarem em seus deuses.

Nós pretendemos assumir o PODER POLÍTICO e liderar a criação de um PAÍS onde eles poderão ser crentes sem terem de se vender para políticos e para pastores ou padres corruPTos ou molestadores de menores.

Onde suas igrejas VÃO PAGAR IMPOSTOS como todo negócio.

E agora, em que mundo você quer viver?

Não tenho nada contra dividir o Brasil entre os proprietários.

Os católicos vão para o Vaticano, os evangélicos pegam uns Estados para fazer o seu país clerical, os comunistas ficam com uns Estados para terem seu proletariado no poder e nós, LIBERAIS, teremos NOSSO PAÍS SEM TER DE PAGAR BOLSA PARA NINGUÉM.

Onde você quer viver?

Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma resposta, sua colaboração é sempre muito bem-vinda.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: