jump to navigation

Vamos por um fim ao estupro econômico 2011/07/08

Posted by alnbr - Revista de Opinião in 1.
trackback
Vamos retomar o trabalho do Plano Diretor da Reforma do Estado de 1995?
Com a abordagem da estabilização dos prêços de produtos e serviços via fixação, ou contrôle fino por banda, da taxa de juros – que ficou alta – você não concordaria que falta, agora, a estabilização dos valôres relativos dos Mercados?
Que tal assumir, de uma vez por tôdas, que os Mercados têm de ser livres e que a regulação da economia deve ser no sentido de garantir a ação dos Mercados SEM comprometer a ação do Estado?
Isto é, não pode haver nenhuma intervenção do govêrno na economia, mas concorrer para garantir a estabilização dos valôres relativos dos Mercados sem impor os constrangimentos que deprimam a economia e ação dos participantes da economia.
Não foi à tôa que o PSDB privatizou e reformou o Estado, é porque a economia estava sendo vitimada pela intervenção dos govêrnos na economia.
Convido-os a visitar-me para avaliar opções de ação do Estado SEM o estupro da economia.
Anúncios

Comentários»

No comments yet — be the first.

Deixe uma resposta, sua colaboração é sempre muito bem-vinda.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: